6/3/2014 23:25

Parentes e rivais: sobrinho alviverde comemora vitória sobre o tio da Lusa

Roupeiros de Verdão e Portuguesa se reencontram nos vestiários do Pacaembu

Roupeiros de Palmeiras e Portuguesa, Daniel (à esq) é sobrinho de Dirceu (Foto: Felipe Zito)

A família Lima ficou dividida na noite desta quinta-feira. De um lado, Dirceu Lima, roupeiro da Portuguesa há 22 anos. De outro, o sobrinho, Daniel Lima, roupeiro do Palmeiras há dois anos e meio. Durante a semana, a dupla se falou por diversas vezes e trocou algumas provocações. Tudo para animar e aquecer o clássico válido pela 12ª rodada do Campeonato Paulista. Mas sem esquecer o carinho e o respeito dos dois lados. No final, deu Verdão: 1 a 0, gol de Juninho.

– Eu estou no Palmeiras graças ao meu tio. Foi ele quem me incentivou, que me ajudou. A família toda é de enfermeiros e ele sempre me disse que ia conseguir. Cheguei na base do Palmeiras e agora estou no profissional – disse o palmeirense Daniel.

Sem esconder toda a admiração por ver o sobrinho seguir os seus passos no futebol, Dirceu se derreteu em elogios.

– Ele é o meu orgulho. É importante deixar uma semente para o futuro. Estou na Portuguesa há 22 anos e ele está começando agora no profissional do Palmeiras. Isso me deixa muito feliz – completou o rubro-verde.

Dentro de campo, cada um de um lado, palmeirenses e lusitanos viram uma partida bastante movimentada e com boas chances para os dois lados. No fim, o gol de Juninho acabou determinando a vitória alviverde e a classificação da equipe comandada pelo técnico Gilson Kleina para as quartas de final do Paulistão. Para a sorte de Daniel.

– Brincamos um pouco no futebol. É aquela brincadeira sadia do futebol. Um tem de vencer, não tem jeito – disse o roupeiro do Verdão.

Mais experiente, Dirceu fez uma análise da partida, mas minimizou o tropeço da Lusa nesta quinta-feira. O roupeiro fez questão de enaltecer o trabalho desempenhado pelos Lima nos rivais do futebol paulista.

– O jogo foi bom. Tomamos um gol de bola parada, mas o jogo foi muito bom. Amanhã eu ganho, ele vai perder, empata. O importante é o trabalho que nós fazemos por trás dos artistas. Nós fazemos um trabalho para deixar os jogadores melhor. É uma botinha, uma massagem melhor. É como se fosse uma maquiagem para os artistas – completou.



VEJA: Clique aqui e veja as promoções que a Network BG preparou para você acompanhar todos os jogos do Palmeiras da temporada

LEIA TAMBÉM:Felipão tem 4ª eliminação em mata-matas e eleva pressão por Libertadores

LEIA TAMBÉM: Dudu volta a não bater pênalti em nova eliminação do Palmeiras

LEIA TAMBÉM: Felipão isenta arbitragem e defende Deyverson após queda do Palmeiras

VEJA: Clique aqui e veja as promoções que a Farelos Jurídicos preparou para você


3330 visitas - Fonte: GE

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias