11/3/2014 15:19

Goleiro do Palmeiras evita assumir papel de Paulo André no Bom Senso

Mesmo com a ida do zagueiro Paulo André para o futebol chinês, o goleiro Fernando Prass evitou assumir o papel do ex-jogador do Corinthians de ser o principal líder do movimento Bom Senso FC.

O camisa 25 do Palmeiras foi o único jogador presente em um encontro com o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, nesta segunda-feira, em São Paulo, para apresentar novas ideias para se aplicar o 'fair play' financeiro no futebol brasileiro, uma das reivindicações do grupo e que pede regras de gestão financeira dos clubes.

Além dele, nomes como o do goleiro Rogério Ceni, do São Paulo, do lateral esquerdo Fábio Santos, do Corinthians, e do zagueiro Valdomiro, da Portuguesa, estavam na lista de presença do evento, mas nenhum compareceu. Mesmo assim, o palmeirense descartou assumir qualquer função de comandante do movimento e falou que o Bom Senso não tem apenas um líder. "Somente eu pude estar aqui.

Mas, foi apenas por contingência do calendário. Os outros [jogadores] não puderam vir. Quando o Paulo André saiu, já havíamos falado que não havia um líder, não havia um porta-voz do Bom Senso. Temos 20 ou 30 atletas que têm uma representatividade maior, que falam mais", afirmou.

Isso porque, antes de ir para o Shanghai Shenhua, da China, Paulo André chegou a sofrer críticas de parte da torcida corintiana, que dizia que ele preferia reivindicar direitos dos atletas a jogar futebol.

No entanto, apesar de dividir as responsabilidades com os colegas de profissão, Fernando Prass fez questão de cobrar os jogadores de futebol por uma participação maior neste tema que aborda a saúde financeira dos clubes. "Os jogadores não podem se omitir nesse processo, pois somos parte interessada também. Para a gente, é importante ter o ministro aberto ao diálogo.

Importante até para a sociedade brasileira, pois o governo é um dos principais credores [das dívidas dos clubes]", completou.

Bom Senso é uma associação formada por mais de 1.000 jogadores criada em 2013 para pedir mudanças futebol brasileiro, como calendário nacional, fair play financeiro, entre outras alterações.




LEIA TAMBÉM:[ENQUETE] Você concorda com o cartão amarelo dado a Felipe Melo no clássico contra o Santos?

3423 visitas - Fonte: Folha de S.Paulo

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias