11/1/2017 07:42

Ficou para a próxima! Sport vence e elimina o Palmeiras da Copinha

Com gol logo no início do segundo tempo, Verdão foi derrotado e deixa a Copa São Paulo mais cedo. Goleiro Daniel Fuzato chegou a pegar um pênalti no fim da partida

Palmeiras do técnico João Burse perde e é eliminado pelo Sport (Foto: Fabio Menotti/Ag Palmeiras/Divulgação)

Não será dessa vez que o Palmeiras conquistará o inédito título da Copa São Paulo de Futebol Junior. Pouco criativo e com falhas na defesa, outra vez, o Verdão não resistiu e foi derrotado pelo Sport por 1 a 0, na Fonte Luminosa, em Araquara. O gol de Wallace, logo no início do segundo tempo eliminou o Alviverde da competição e levou o Sport à terceira fase para enfrentar o Batatais.

Apesar de as duas equipes terem entrado em campo sem qualquer postura defensiva, ambas demoraram para se acertar e construir jogadas de perigo. Erros de passe e ansiedade foram os inimigos na primeira etapa. Assim, o Verdão optou por colocar a bola no chão, mas sem objetividade, já que o setor criativo do time não funcionou.

Tanto é que Sport teve a primeira boa chance de marcar. Bala fez jogada individual e chutou firme, mas o goleiro Daniel Fuzato fez a primeira de suas defesas no duelo. As raras oportunidades em que os times chegavam com qualidade eram desperdiçadas com finalizações ruins.

Os caminhos começaram a se abrir para o Palmeiras quando Kauê e Juninho encontraram espaços para usar habilidade e velocidade, mas novamente os atacantes pecaram nas conclusões, como no cruzamento de Cadina, que Léo Passos, surpreendido, finalizou por cima do gol, em chance clara.

Em seguida, aproveitando falha do lateral-direito Maílton, do Verdão, o atacante Índio, do Sport, invadiu a área e tentou chutar de forma a tirar do alcance de Fuzato, que fez mais uma grande defesa. A partir daí o jogo ficou mais morno e foi para o intervalo com um festival de erros.

O time paulista pareceu voltar para o segundo tempo um tanto quanto desorganizado, com chutões dos zagueiros e falhas de posicionamento. Logo aos dois minutos, em um desses equivocos pelo lado esquerdo da defesa palmeirense, Bala recebeu cruzamento, errou o chute, mas a bola sobrou para Wallace abrir o placar para o Sport.

Atrás no placar, o Palmeiras se abriu e criou oportunidades na sequência, como no chute colocado de Gabriel Barbosa, que passou perto da trave, e na espetacular defesa do goleiro Lucas em cabeçada de Léo Passos. Mas ainda via sua defesa deixando espaços, principalmente pelo lado esquerdo.

O técnico palmeirense João Burse efetuou três substituições antes dos 20 minutos da etapa final, no entanto não houve efeito, pelo contrário, houve uma queda de rendimento no time. Os jogadores passaram a apostar nas individualidades e deixaram de lado o coletivo. Até mesmo os zagueiros tentaram sair jogando e foram para a área adversária.

Já o Sport se mostrou seguro com a vantagem e se postava firme na defesa, enquanto nos contra-ataques foi perigo constante para uma frágil e desorganizada zaga alviverde, que ainda teve tempo para cometer um pênalti, batido por Araçoiaba e defendido por Daniel Fuzato.

A insistência palmeirense nas bolas aéreas só facilitou o jogo para o Leão, que apenas administrou a vantagem no placar para eliminar o adversário da competição.

Agora, o time pernambucano pega o Batatais pela terceira fase da Copinha com data e horário a serem definidos pela Federação Paulista de Futebol.

53001 visitas - Fonte: LANCE!Net

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Últimas notícias