13/12/2017 18:50

Do sonho de títulos à realidade cruel: Palmeiras 2017 não deixa saudades ao torcedor

Por Vinícius Vale

Foto: AP

O torcedor palmeirense que vestiu verde para comemorar a entrada de 2017, tinha a certeza de mais um ano de glórias para seu time de coração. Depois da conquista do Brasileirão em 2016, feito que não acontecia desde 1994, o investimento foi alto para que o time tivesse voos ainda mais altos nesta temporada. Na mira estavam a Copa Libertadores e o Campeonato Mundial.



Saíram o técnico Cuca e o atacante Gabriel Jesus, mas com apoio financeiro do seu principal patrocinador, os 14 novos contratados deixavam a torcida ainda mais confiante. Antônio Carlos, Juninho, Luan, Mayke, Felipe Melo, Bruno Henrique, Alejandro Guerra, Hyoran, Michel Bastos, Raphael Veiga, Miguel Borja, Deyverson, Willian e Keno chegaram e se juntaram à base campeã no ano anterior.

Os analistas apostavam em um time que faria bonito e atropelaria seus adversários, mas problemas dentro e fora do campo fizeram com que a temporada termine sem nenhuma conquista.

Eliminações no Campeonato Paulista para a Ponte Preta, Copa do Brasil para o Cruzeiro e Libertadores para o modesto Barcelona do Equador, aliadas a troca de técnicos com a saída de Eduardo Baptista e Cuca, fizeram o time cambalear também no Campeonato Brasileiro, chegando à fase final da competição como um dos coadjuvantes do título do rival Corinthians e tendo o interino Alberto Valentim no comando técnico da equipe.

Não bastasse o fracasso esportivo, confusões como o afastamento de uma das grandes contratações da temporada, Felipe Melo, e seu retorno pouco antes da saída de Cuca, mostraram que nos bastidores as decisões também foram no mínimo conturbadas.

Para 2018, as contratações serão feitas novamente, o técnico será Roger Machado e a expectativa e cobrança da torcida será ainda maior. O recado já foi dado, antes do jogo contra o Flamengo, pela 34ª rodada do Brasileirão, quando torcedores estiveram na porta do centro de treinamento do clube e demonstraram insatisfação com o comprometimento do elenco.

O roteiro de como não fazer o Palmeiras já tem, baseado na temporada de 2017, resta saber se o novo comandante saberá lidar com um elenco estrelado e fazer o time competitivo em busca dos tão sonhados títulos

4458 visitas - Fonte: Yahoo Esportes

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Luciano Souza     

fiquei muito triste em 2017 mais sempre achei qui o palmeiras estava no caminho certo afinal e bom termos tudo qui temos ckm estrutura e esse campo maravilhoso antes de tudo isso jogadores medianos reculsava vim para o palmeiras explo marcelo moreno reculsou o palmeira depiis desse episodio numca mais ouvi o nome dele em lugar nenhum jogadores do brasil e do mundo respeitem o palmeiras quem jogo em um gicante si torna gicante e do olhar a historia rivaldo roberto carlos dijalminha alex marcos paulo nunes etc

Qualquer empresa no mundo onde o funcionário não dar resultado em três meses é mandado embora; agora esse bando de pipoqueiro ficaram um ano nos envergonhado, portanto rua para a maioria. Não acredito em pipoqueiro!!!

Derli Leite     

A diretoria errou por ação e não por omissão.

Acho que agora vai dar certo.

Marcelo Silva     

uma coisa e vc ser um covarde e nao tentar
a diretoria tentou esta de parabéns. e continua de parabéns. hj em dia eu nao vejo mas .paulo turra.juninho .marcio Araújo. rivaldo e muitos outros fracassados no meu time
o palmeiras esta contratando e isso me agrada muito
claro que nem td e como a gente quer
mas se deus quiser ano que vem nao teremos mas bruno Henrique. egidio e tche tchê
3 a menos em campo
jogamos o ano td com 3 a menos

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias