13/2/2018 10:37

Valentim deverá ser anunciado nesta terça como novo técnico do Botafogo

Valentim comandou o Palmeiras em 11 jogos com 57,5% de aproveitamento (Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras)

Ao que tudo indica, o Botafogo achou em Alberto Valentim o seu novo técnico para 2018. A diretoria entrou em consenso pelo nome ao longo da última segunda-feira e fez contato com o ex-auxiliar e treinador, que terminou o Campeonato Brasileiro do ano passado como vice-campeão pelo Palmeiras. Aos 42 anos, o comandante foi indicação de Cuca, que tem forte ligação com o Botafogo e era o preferido da torcida, mas está fora da realidade financeira do clube.



O Botafogo vê em Valentim um perfil ideal para buscar o encaixe do time que Felipe Conceição não encontrou. E o treinador, livre no mercado desde que deixou o Palmeiras em dezembro, ficou animado em engatar um trabalho de longo prazo no Alvinegro. Faltam pequenos acertos financeiros, mas a diretoria está otimista em um desfecho rápido para anunciar oficialmente ainda nesta terça-feira. Há pressa para que ele aproveite o período sem jogos para conhecer o elenco.

– Qualquer treinador gostaria de trabalhar em um clube como o Botafogo, principalmente para um cara que está começando a carreira, como eu. Trabalhei com o Cuca, que sempre falou muito bem do Botafogo. Seria uma honra – disse Valentim ao GloboEsporte.com na segunda-feira, antes de abrir negociação.

Além de Cuca, de quem foi auxiliar na campanha do título brasileiro de 2016, ele também foi referendado por outros profissionais, como por exemplo Alexandre Mattos, diretor-executivo do Alviverde, e Ricardo Rocha, ex-comentarista e atualmente dirigente do São Paulo. Apesar de buscar um perfil de maior experiência após ter efetivado dois auxiliares no cargo (Jair Ventura e Felipe Conceição), Valentim não é considerado uma aposta pela diretoria. Isso porque soma oito anos como auxiliar e já comandou o Red Bull Brasil no Paulistão e o Palmeiras no Brasileiro.

Valentim começou como assistente técnico no Atlético Paranaense em 2012, e dois anos depois foi para o Palmeiras, onde foi auxiliar e eventualmente interino quando saíram os treinadores Ricardo Gareca, Oswaldo de Oliveira e o próprio Marcelo Oliveira. Trabalhou com Cuca na campanha do título brasileiro de 2016 e assumiu a equipe nas últimas 11 rodadas da competição do ano passado, obtendo seis vitórias, um empate e quatro derrotas, terminando como vice-campeão.

Mesmo após contratar Roger Machado para 2018, o Palmeiras queria a permanência de Valentim, que era funcionário do clube, com contrato sem tempo determinado. O clube ofereceu uma valorização salarial, mas ele nunca escondeu que seu interesse é seguir a carreira como treinador e entrou em acordo para sair. O Botafogo pode ser a nova oportunidade.

Enquanto o novo comandante não chega, Bruno Lazaroni é quem dá os treinos para os jogadores desde esta segunda-feira, no Nilton Santos. Filho do técnico Sebastião Lazaroni, ele era gerente das categorias de base do Botafogo no ano passado e desde o início da temporada vinha ocupando o cargo de auxiliar permanente da comissão técnica.

1257 visitas - Fonte: Globo Esporte

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Espero que tenha tempo pra trabalhar e vencer

Elaine Santos     

boa sorte mestre Valentim!

Gloria Goia     

boa sorte. espero que sede bem

Ele merece uma chance boooaa sorte

Edson Luiz     

VAI VENCER

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias