26/5/2018 10:01

Palmeiras busca liderança provisória do Brasileiro contra o Sport

Foto: Gazeta Press

O Palmeiras busca a liderança provisória do Campeonato Brasileiro neste sábado, em partida contra o Sport, às 19h (de Brasília), no Allianz Parque. Enquanto o Leão briga para chegar à primeira metade da tabela de classificação, o Alviverde só precisa de um triunfo para alcançar a ponta.



O duelo na Arena encerra uma sequência de quatro partidas consecutivas do Verdão em sua casa. No período, a equipe de Roger Machado venceu Junior Barranquilla (Libertadores) e Bahia (Brasileirão), e empatou com o América-MG (Copa do Brasil). Apesar de todos os resultados positivos (contra o Coelho, o Palmeiras se classificou), aconteceram vaias ao final do primeiro tempo contra os americanos e colombianos.

“Em casa a grande maioria da torcida vai para incentivar. (Nosso desempenho como visitante) mostra que o time está sendo bem eficiente, surgem as oportunidades e estamos conseguindo concluir em gol. Em casa, às vezes tem a ansiedade e acaba atrapalhando. São coisas que a gente tem de aprender na vida, temos de tirar lições para não nos atrapalhar”, disse o zagueiro Edu Dracena.

Precisando do triunfo para chegar aos 14 pontos e ultrapassar Atlético-MG, Flamengo e Corinthians (que jogarão depois), o Palmeiras tem como trunfo o fato de não ter sofrido gols jogando no Allianz Parque neste Campeonato Brasileiro. Além da estatística favorável, Roger Machado terá a volta de Dudu, na lista de pré-convocados por Tite para a Copa do Mundo e liberado pela CBF para atuar.

Se as expectativas são positivas do lado alviverde, dá para dizer que o Sport nem queria entrar em campo neste sábado. O diretor executivo do Leão, Klaus Câmara, pediu o adiamento do por falta de tempo hábil para a preparação dos jogadores. Devido à greve e a falta de combustível, o voo da equipe pernambucana foi adiado, e a delegação pernambucana chegou à capital paulista apenas na noite de sexta-feira.

Em campo, o técnico Claudinei Oliveira tem apenas uma dúvida para montar sua equipe, mas a alterações poderá mudar todo o esquema tático de seu time. Após Rogério voltar a treinar normalmente recuperado de uma pancada no tornozelo sofrida durante a semana, o treinador não revelou se irá escalar uma equipe mais ofensiva ou se manterá o esquema com três volantes, que lhe rendeu duas vitórias na competição diante do Paraná e do Bahia.

“Vamos ver a questão do Rogério como está. A gente tem uma dúvida se vai iniciar no 4-1-4-1 ou se jogo mais ofensivo. Eu gosto de jogar com mais atacantes, ser mais presente ofensivamente, mas temos que levar em consideração o histórico. Ganhamos duas partidas com os volantes. Então, vamos avaliar. Essa é a única dúvida. Não vamos fugir disso”, declarou o técnico.

Para a partida, o Sport tem os retornos do meia Marlone e do volante Fellipe Bastos. Os dois ficam à disposição após não encararem o Corinthians por veto contratual, já que foram cedidos pelo Alvinegro. O mesmo motivo faz com que o time não conte com o meia Michel Bastos. O outro desfalque da equipe é o reserva e zagueiro Max, que não treinou nesta sexta em recuperação de dores no joelho.

1608 visitas - Fonte: Gazeta Esportiva

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias