6/10/2018 20:24

[ENQUETE] Com a vitória de hoje, o Palmeiras é o time favorito ao título do Brasileirão?

O Palmeiras encerrou um tabu de 16 anos no Choque-Rei da noite deste sábado (06). Em partida válida pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Verdão superou o São Paulo por 2 a 0, com gols de Gustavo Gómez e Deyverson, ambos marcados no primeiro tempo, e venceu o São Paulo no Morumbi pela primeira vez desde 2002. Com o resultado, a equipe ampliou sua vantagem na liderança da competição e acumula 56 pontos na tabela, três a mais do que o Internacional, segundo colocado.


O time não vencia o São Paulo no Morumbi desde 20 de março de 2002, em confronto válido pelo torneio Rio-São Paulo. Na ocasião, o meia palestrino Alex marcou um gol de placa, depois de aplicar chapéus em dois defensores, incluindo o goleiro Rogério Ceni. A partida terminou em um placar de 4 a 2.

Esta foi a 311ª vez em que os dois clubes se enfrentaram. O Palestra vem acumulando bons resultados nos jogos recentes ante o rival: dos últimos 12, venceu nove e perdeu apenas dois (além de um empate). Além disso, o time vem de uma sequência de vitórias contra o Tricolor, com quatro triunfos consecutivos. No retrospecto geral, o São Paulo leva vantagem, com 108 vitórias contra 104 do Verdão. Outras 99 partidas terminaram empatadas.

Com o resultado deste sábado, o Verdão aumentou sua série invicta no Campeonato Brasileiro para 13 jogos. A sequência contempla nove vitórias (Paraná Clube, Vasco da Gama, Vitória, Botafogo, Chapecoense, Atlético-PR, Corinthians, Sport, Cruzeiro e São Paulo) e três empates (América-MG, Internacional e Bahia). A última vez que o time ficou sem perder por tantos jogos na competição foi em 2016, ano em que se sagrou campeão brasileiro: foram 15 duelos sem sofrer revés naquela oportunidade.

A fase invicta contribui para outra marca importante da equipe no torneio nacional: o Verdão saiu de campo vitorioso 16 vezes e, com isso, é o time que mais ganhou no Brasileirão 2018. Internacional e Flamengo aparecem logo em seguida, com 15 triunfos cada.

A equipe de Luis Felipe Scolari ampliou ainda o seu saldo de gols, que já era o melhor da competição. O Alviverde marcou 43 gols e sofreu 18 em 28 rodadas, o que resulta em um saldo de 25. O quesito é um dos mais importantes critérios de desempate no Brasileiro.

Patrocínio

O Verdão teve uma novidade no uniforme para este Choque-Rei. Excepcionalmente neste confronto, a marca Crefisa foi estampada na barra da camisa alviverde, enquanto a FAM Online ficou no lugar de patrocinador máster. FAM Online é o programa de ensino à distância (EAD) da Faculdades das Américas.

O jogo

Jogando fora de casa e em um estádio com torcida única do adversário, o Palmeiras começou o clássico com menos posse de bola. Mas, apesar do São Paulo ficar mais tempo com a bola nos pés, os mandantes pouco ameaçavam o gol de Weverton. As melhores chances alviverdes no início da partida aconteceram em vacilos defensivos tricolores. Aos nove minutos, Sidão errou na reposição de bola e Deyverson aproveitou para finalizar. O goleiro desviou o chute com as mãos, fora da área. A arbitragem, porém, não marcou irregularidade.

Aos 29, Marcos Rocha sentiu a panturrilha e foi substituído por Mayke. O Verdão era superior no primeiro tempo: a equipe de Luis Felipe Scolari deixava a bola com o São Paulo, apostando nos lances de bola parada e nos contra-ataques rápidos para abrir o placar no Morumbi. E foi exatamente com esta estratégia que o Alviverde conseguiu abrir 2 a 0 em um intervalo de quatro minutos.

Primeiro, aos 33, Dudu cobrou escanteio e Gustavo Gómez apareceu sozinho para finalizar. O zagueiro cabeceou para o chão e marcou seu segundo gol com a camisa palestrina, sem chances para Sidão. (São Paulo 0 x 1 Palmeiras)

O segundo gol veio aos 37, após um contra-ataque bem trabalhado. Em um lance de velocidade de três jogadores palmeirenses contra dois defensores são-paulinos, Mayke carregou a bola até a entrada da área e tocou para Dudu, que aparecia pela esquerda. O camisa 7 acertou a trave. No rebote, Moisés tocou para Mayke, que cruzou com perfeição para Deyverson ampliar. (São Paulo 0 x 2 Palmeiras)

Com o adversário desnorteado, o Palmeiras teve poucas preocupações antes do juiz Wilton Pereira Sampaio apitar o fim da etapa inicial. Aos 46, Victor Luis ainda assustou o goleiro Sidão após uma cobrança de falta de muito longe que passou raspando o travessão.

Felipão voltou para o segundo tempo sem fazer alterações em seu time. A etapa final foi mais morna do que os primeiros 45 minutos. O São Paulo continuava ameaçando pouco, enquanto o Verdão tinha chances de aumentar a vantagem, mas errava nos detalhes e decisões finais dentro da área.

Aos 24, Felipão fez sua segunda alteração e colocou Willian na vaga de Hyoran. E foi do camisa 29 a melhor chance alviverde da segunda etapa. Aos 34, o atacante recebeu sozinho dentro da área e chutou rasteiro, com muita força. Sidão defendeu com os pés.

A terceira substituição aconteceu logo em seguida, aos 36: Lucas lima saiu para a entrada de Bruno Henrique. No lance seguinte, foi a vez de Weverton brilhar. O centrovante Tréllez, que tinha acabado de entrar no jogo, tocou para Rojas após cobrança de lateral na área. O equatoriano chutou para grande intervenção do goleiro palestrino.

Apesar de mais um bom lance de Rojas antes do apito final, os últimos minutos foram de controle alviverde. Os visitantes dominaram o rival com inteligência e partida terminou sem mais grandes sustos, encerrando um período de 16 anos sem vitória palmeirense contra o São Paulo no estádio do Morumbi.

7251 visitas - Fonte: -

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Edielson Rebelo     

Ta no caminho certo, se continuar jogando bem e pontuando temos grandes chances de ser camoeao

O Palmeiras jogou muinto , mas não ganhou nada ainda.

Vamos deixar para os outros concorrentes essa euforia vamos com calma tem muita lenha pra quemar

Roberto Tolin     

O time foi impecável hoje. Parabéns verdão, mais um tabu quebrado, mais um rodada na liderança...rumo ao título.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias