21/2/2019 10:20

Desfalques e queda de produção preocupam ataque no Palmeiras

Verdão tem apenas sete gols marcados em sete rodadas do Campeonato Paulilsta

Se a defesa do Palmeiras não tem causado dor de cabeça a Felipão neste início de temporada – é a melhor do Paulistão com apenas dois gols sofridos –, o ataque tem merecido mais atenção da comissão técnica alviverde nas últimas rodadas da competição estadual.



Além dos desfalques que obrigam o treinador e mexer em um sistema que segue indefinido entre os titulares, a queda de produção de peças importantes tem atrapalhado o Verdão.



Ainda à procura de uma opção para a vaga deixada por Willian, em recuperação de cirurgia no joelho direito, Felipão tem mantido a ideia de jogo com um centroavante fixo e dois atletas mais rápidos abertos pelos lados. Nesta última função, porém, apenas Dudu segue como absoluto.

Pela direita, Carlos Eduardo, Felipe Pires e Gustavo Scarpa foram testados. Enquanto Carlos Eduardo tem tido desempenho bem abaixo do esperado, os outros dois viraram desfalques no departamento médico.

Scarpa, inclusive, vinha sendo boa opção para outro problema do Palmeiras em 2019, o sistema de criação pouco participativo com Lucas Lima, mas agora será baixa por mais duas semanas.

Após sete rodadas do Paulistão, o Verdão tem apenas sete gols marcados. Borja, com dois, Deyverson, Dudu, Felipe Pires, Gustavo Scarpa e Luan com um cada são os goleadores da temporada (veja as estatísticas da equipe palmeirense em 2019).

Única opção de centroavante por causa da suspensão de Deyverson e da não inscrição de Arthur Cabral no estadual, Borja tem sido alvo de críticas de parte da torcida por causa das chances desperdiçadas.

Depois de marcar nos dois primeiros jogos como titular, o colombiano, artilheiro da Libertadores e do Paulistão do ano passado, vive jejum de três jogos sem balançar a rede adversária.

O que pode fortalecer o sistema ofensivo palmeirense daqui pra frente é Ricardo Goulart. Depois de atuar por 39 minutos contra a Ferroviária, o meia-atacante está à disposição de Felipão para o clássico contra o Santos.

Na sua apresentação, o atleta afirmou que é meia-atacante, função exercida por ele na partida em Araraquara, na rodada passada.



Palmeiras, Verdão, ataque



Leia também: [ENQUETE] O Palmeiras deveria fazer uma grande oferta para contratar Pato?

Leia também: Marcos faz defesa ao uniforme azul e explica apoio a Bolsonaro



1500 visitas - Fonte: Globo Esporte

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Só sei que pagamos 23 mi no Cazerduardo enquanto o Erik esta fazendo dois gols por jogo, de graça la no Botafogo.

Serjio Nascimento silva vc esqueceu do goleirao debaixo das traves o marcos

EU FIZ UM COMENTÁRIO NO COMEÇO DE JANEIRO! SE PREOCUPARAM COM SETOR MEIO CAMPO E DEIXARAM DE CONTRATAR UM CENTROAVANTE DE NOME

Sera que vamos jogar a serie B do Brasileirao este ano

Queda de producao, por acaso esse carlos eduardo jogava antes? Borja nao caiu de rendimento pois sua ruindade nao permite ser mais ruim do que já é.

Infelizmente se depender do Felipe Scolari teremos esse futebol burocrático, o unico time dele que encantava era o Brasil de 2002, e sabem porque, os Ronaldos e Rivaldo.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias