22/2/2019 12:17

Com valores especulados por Deyverson, Palmeiras estaria próximo de bater meta de vendas do ano

Foto: Cesar Greco

O Palmeiras aguarda Deyverson acertar seus detalhes para confirmar a saída do atacante ao Shenzhen FC, da China. Os clubes estão próximos de fechar a negociação, que pode atingir 15 milhões de euros (R$ 63,5 milhões). E só com ela, o Verdão se aproximará da meta estipulada com venda de atletas em 2019.



A previsão orçamentária, aprovada pelo Conselho Deliberativo, contém R$ 50 milhões em receitas com a negociação de atletas ao longo do ano. O Palmeiras tem 70% dos direitos econômicos do centroavante - o Levante é dono dos outros 30% - e aceitou os seguintes termos: receber 12 milhões de euros fixos (R$ 50,8 milhões), mais 3 milhões de euros (R$ 12,7 milhões) em metas atingidas por Deyverson no novo clube.

O bônus virá futuramente, mas será integralmente do Palmeiras. Da parte fixa, o Verdão terá de repassar uma fatia menor ao Levante, e ficará com quase R$ 40 milhões, pouco abaixo da quantia citada no orçamento.

O camisa 16 foi contratado em 2017 por 5 milhões de euros (R$ 18 milhões na cotação da época). O valor foi pago pela Crefisa, que deverá ser ressarcida de volta em até dois anos, com a correção monetária do período.

O diretor de futebol Alexandre Mattos está na Espanha, até pelo fato de ter de acertar os detalhes finais da venda com o Levante. Mas na viagem também chegou a se ter uma conversa preliminar com o Barcelona sobre o zagueiro Vitão e o lateral-esquerdo/meia Luan Cândido, ambos do time sub-20.

A venda dos dois garotos, destaques da base alviverde, poderia render 20 milhões de euros (R$ 84 milhões), mas não houve um contato oficial do Barça. Esta possibilidade, no momento, está parada.

O Palmeiras em 2018 aproximou-se dos R$ 650 milhões em arrecadação, e para 2019 fez uma previsão conservadora: receita de R$ 561 milhões. Isto porque não foi lançada a verba com direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro para TV aberta e pay-per-view - as negociações com a Globo seguem arrastadas e sem previsão de desfecho.



Mesmo o contrato de patrocínio com Crefisa e FAM foi lançado com o valor do ano passado (R$ 78 milhões). Mas com a renovação, o clube vai receber R$ 102 milhões ao longo da temporada para estampar as marcas das duas empresas.



Leia também: [ENQUETE] O Palmeiras deveria fazer uma grande oferta para contratar Pato?

Leia também: Marcos faz defesa ao uniforme azul e explica apoio a Bolsonaro



5277 visitas - Fonte: LANCE!

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

#FICADEYVERSON...

Com certeza eu prefiro que o Deyverson fique no Palmeiras, realmente quem tem que sair é o borja ,o Deyversom faz a diferença...

Valdeni Pereira     

Acredito que sim, libera esse cara, que ele vá dar trabalho a outros, aqui no Palmeiras, chega.

edmilson Moreira     

Tem que vender e o Borja, deyverson e doido mais mete gol e é mil vezes melhor que o boja,essa e minha opinaio,preferia que o borja saise

Levo o cara no aeroporto de graca , vende logo antes que os chineses desistam

Ed Santos     

Que desgraça velho! Por mim ele fica.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias