11/4/2019 20:55

Polícia prende dois torcedores após ataque ao ônibus do Palmeiras

Conforme havia antecipado a ESPN, a Polícia Militar deteve dois suspeitos do ataque ao ônibus do Palmeiras, ocorrido na última quarta-feira, antes da vitória por 3 a 0 sobre o Junior Barranquilla, pela 4ª rodada da fase de grupos da Libertadores.



Nesta quinta-feira, a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo divulgou o nome de ambos: Lucas Andrade de Oliveira, de 23 anos, e Igor Pereira Nogueira, de 22, foram presos sob acusação de dano (artigo 163 do Código Penal) e por promoção de tumulto (artigo 41, b, II do Estatuto do Torcedor).

Em seguida, a ocorrência foi encaminhada para o JECrim (Juizado Especial Criminal), depois que os vândalos assinaram termo de compromisso de comparecimento em juízo. Em depoimento, eles optaram por permanecer em silêncio. Na sequência, foram liberados.

LEIA TAMBÉM:"Meu objetivo aqui é sempre ajudar e participar", diz Dudu à TV Palmeiras

O sentimento da alta cúpula do Verdão com o ataque é de incredulidade.

Na visão da diretoria, a ação dos vândalos contra o patrimônio do clube não faz sentido, já que a equipe já passou por muitos momentos piores em anos recentes, e raramente houve ações em que tamanha violência foi empregada.

Cartolas compartilham a visão de que gritos de protestos tanto fora do estádio quanto nas arquibancadas são normais e fazem parte do futebol, mas não agressões diretas como as ocorridas na noite de quarta.

á também a impressão de que o elenco do Verdão pode ter sido "usado" em meio ao racha que existe atualmente entre facções da principal torcida organizada do clube, e que o ataque ao ônibus pode ter sido um "aviso" de outras atitudes que estão por vir.

Na próxima rodada da Libertadores, o Palmeiras visita o Melgar, dia 25 de abril, às 23h (de Brasília). Se empatar, já estará classificado às oitavas de final.



LEIA TAMBÉM:"Meu objetivo aqui é sempre ajudar e participar", diz Dudu à TV Palmeiras

Polícia, Prisão, Ataque, ônibus



Leia também: [ENQUETE] O Palmeiras deveria facilitar a saída de Fabiano para o Internacional?

Leia também: Belluzzo aciona COF para apurar discriminação contra sócia



2634 visitas - Fonte: espn

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Em quanto é estiver só ouvindo esses delinquentes e soltando é um comvite para que aconteça de novo senão prender e manter os na cadeia isso não vai acabar não consigo entender que porcaria de lei o sujeito comete um crime a polícia prende eles são pela porta da frente a polícia fãs o papel dela alei não fas

Jose Pereira     

Detido? Se e suspeito? Prende. E nao solta.

Depois que alguem de sangue no zóio põe as mãos nesses bandidos ja que foram identificados ai vai dizer que o povo é ruim e infelizmente é o que vai acontecer já que no Brasil não tem justiça

Aqui fala que a polícia prendeu dois torcedores Que atacaram ônibus no Palmeiras para mim não é torcedor é bandidos e na cadeia e outra coisa que a polícia a polícia tem que passar para o Palmeiras e o Palmeiras passar para a gente se realmente fazia parte o nosso time porque torcedor não torcedor que é torcedor Faz igual a gente fez foi lá no campo gritando xingamos mas não passando disso

Tem que prender e processar esses vândalos bandidos. Deveriam pagar por danos ao patrimônio público e privado. Porém foram liberados após identificação. Isso ocorre porque as leis brasileiras são brandas e ineficazes.

A verdade é a seguinte, enquanto não mudar as leis a respeito desses desequilibrados, vândalos e bandidos nada vai mudar, amanhã estarão na rua novamente para repitirem suas sandices. Tem que prender processar e jogar a chave fora.

Felipe     

brinks kk

Felipe     

Nobra e Serden

Misael Batista     

Chamar esses bandidos torcedores é cometer uma ofensa aos verdadeiros torcedores, torcedores que cobram mais nunca usarão a violencia e destruir o patrimonio do clube.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias