21/4/2019 08:33

Como e por quais motivos o Palmeiras bateu o pé ao negociar com a Globo

Foto: Djalma Vassão

O Palmeiras está próximo de um acerto com a Rede Globo para transmissão de suas partidas em TV aberta e no pay-per-view. O acordo, considerado um marco histórico dentro do clube, só possível de ser pleiteado graças a fatores específicos na estrutura palestrina.



A estratégia da Globo era fazer torcida e conselheiros pressionarem o presidente Maurício Galiotte sob o risco de não poderem acompanhar a maioria dos jogos do Verdão no Campeonato Brasileiro, e, assim, convencê-lo a aceitar o proposto pela empresa. Atualmente, estando acordado apenas com a Turner, o Palestra teria somente quatro das nove primeiras rodadas da competição transmitidas pela televisão, todas na TNT.

O plano global, porém, não surtiu efeito. Membros do clube apoiaram o posicionamento de Galiotte de bater o pé para a emissora, e a torcida, conhecida pelo desgosto em relação à empresa, também ficou do lado do Maior Campeão do Brasil. A parte financeira, então, era a última cartada da Globo, que previa a necessidade de o Palmeiras receber as luvas condizentes à assinatura do contrato. Isso sequer assustou à cúpula alviverde.

Para 2019, o Verdão teve aprovado pelo COF (Conselho de Orientação Fiscal) um orçamento de R$ 561 milhões, com um superávit de R$ 15 milhões. O valor não leva em consideração qualquer quantia que poderia ser recebida pelo clube oriunda da Globosat.

Outros números tranquilizavam ainda mais a diretoria. Na equação, o patrocínio da Crefisa estava sendo avaliado em R$ 78 milhões (valor de 2018), porém, após a renovação, o montante pago pela empresa de Leila Pereira subiu para R$ 96 milhões (considerando também luvas anuais).



Por fim, a direção tem consciência de que a previsão orçamentária para a temporada é sempre modesta. Em 2018, por exemplo, a expectativa de arrecadação era de R$ 477 milhões, mas beirou os R$ 600 milhões ao final do ano. A ideia da Globo de ‘preocupar’ o balancete financeiro do Alviverde, portanto, não surtiu efeito. As partes estão perto de um acordo.



LEIA TAMBÉM:Fabio Luciano, da ESPN, critica a postura de clubes brasileiros: 'Vocês estão entregando títulos para o Palmeiras'

18723 visitas - Fonte: Gazeta Esportiva

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Marcos Natali     

Não podemos ceder mesmo, que fiquem com os gambas e os flamerdas, não ficam puxando o saco desses dois bosta, que arquem com as consequências

A gloBOSTA, querendo jogar nossa torcida contra o Palmeiras, e pior, alguns alienados como Julio Cesar, estavam caindo nessa armadilha achando que escutar os jogos do Palmeiras no rádio seria problema.

Valeu VERDÃO.

José Candido     

Parabéns Palmeiras não vamos da moral pra globo gambá

Rafael Silva     

A Globo querendo jogar a torcida contra a atitude correta do presidente,nós sabemos muito bem que a Globo tem regalias com os gambás!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias