15/5/2019 17:30

Resenha da Academia: Gómez e Luan dividem experiências em palestra a atletas da base

Os zagueiros Gustavo Gómez e Luan foram os convidados desta quarta-feira (15) do “Resenha da Academia”, projeto do Palmeiras no qual jogadores do clube participam de uma palestra aos jovens das categorias de base. Dupla de zaga menos vazada do Brasileirão 2019, os dois dividiram experiências vividas em suas carreiras e responderam alguns questionamentos feitos pelos garotos do Sub-14 e Sub-15 do Verdão, no auditório da Academia de Futebol.



O projeto foi iniciado em 2015 e já contou com a participação de jogadores como Zé Roberto, Gabriel Jesus e Fernando Prass, entre outros. Ao longo de quase uma hora, Gómez e Luan puderam discutir temas como o início no futebol, convocações para as seleções do Brasil e do Paraguai, como lidar com a distância da família e o orgulho de vestir a camisa do Palmeiras.

“Eu quase não fiz base, jogava pelo time da minha província no Paraguai. Às vezes era convocado direto para a Seleção, viajava de quatro a cinco horas até Assunção. Quando consegui uma vaga no Libertad, a cada fim de semana jogava em um time da base. Sub-18, Sub-20 e Sub-23”, afirmou Gómez, que comentou também sobre sua adaptação ao Brasil.

LEIA TAMBÉM: Scarpa evolui, mas Felipão trata volta em clássico como improvável

“Os companheiros me ajudaram. Já tinha morado em Buenos Aires e Milão, sabia como era viver em outro país. O mais difícil é viver longe dos familiares, mas é gratificante ser campeão e poder ajudá-los. É um orgulho para eles ter um jogador no Palmeiras e na Seleção. Quando tenho saudade, tento focar nisso. O Palmeiras também é como uma família, temos companheirismo. Isso é importante”, completou o paraguaio, capitão de sua seleção.

Campeão olímpico com a Seleção Brasileira em 2016, Luan foi questionado sobre a sensação de vencer um título dessa grandeza pelo país. “É uma satisfação representar o país. Estar no meio de pessoas que você só vê pela TV, é um desafio grande. Foi assim que encaramos e por isso deu certo. Tínhamos o Neymar como referência, todos os jogadores respeitavam e entendiam o momento de cada um. Joguei três jogos e ajudei como pude nos outros”, disse.

O “Resenha da Academia” é realizado com o intuito de aproximar o Centro de Formação de Atletas ao Departamento Profissional do Verdão e facilitar a transição dos jogadores. As perguntas foram mediadas pelo técnico do Sub-15 do Palmeiras, Lucas Andrade, pelos capitães do Sub-15 e Sub-14, Vinicius Serafim e Gabriel da Silva, e pela assistente social Patricia Massafera. O gerente de futebol do clube, Cícero Souza, é um dos idealizadores e responsáveis pelo projeto.

“Tudo o que é falado nos encontros do Resenha da Academia tem um propósito: tocar os atletas para que vejam que a caminhada até o Profissional é longa. Ela nos testa a cada dia e temos de mostrar como somos fortes. Hoje tivemos aqui grandes expoentes que seguem nessa caminhada e já passaram por tudo que os jovens passam”, afirmou Cícero Souza.




Palmeiras, Resenha da academia, Palestra



VEJA: Clique aqui e veja as promoções que a Farelos Jurídicos preparou para você

LEIA TAMBÉM: Scarpa pede concentração para jogo de volta contra o Grêmio e elogia gramado do Pacaembu

LEIA TAMBÉM: Substituto de Felipe Melo, Thiago Santos deve mudar característica do Palmeiras na Libertadores

LEIA TAMBÉM: Nova foto da camisa 3 do Palmeiras para próxima temporada é publicada na internet; confira



1041 visitas - Fonte: Palmeiras-site oficial

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias