12/8/2019 15:50

Análise: expulsão e VAR à parte, Palmeiras mostra pontos positivos em outro jogo sem vitória

Estreia de Luiz Adriano é animadora para a torcida, que estava satisfeita no primeiro tempo

Até os 48 minutos do primeiro tempo, a torcida do Palmeiras estava satisfeita com o que via em campo no último domingo. Seu time vencia por 1 a 0, era pouco ameaçado pelo Bahia e já tinha criado chances de ampliar. A expulsão de Felipe Melo alterou o cenário da partida, que terminaria empatada por 2 a 2.



Por deixar o braço no pescoço de Lucca, numa disputa de bola pelo alto, que já tinha Diogo Barbosa, o volante recebeu cartão vermelho direto e deixou sua equipe com um jogador a menos. Nem Luiz Felipe Scolari reclamou. Ao contrário: ficou de ter uma conversa com Felipe Melo.

O treinador também não quis falar muito sobre a atuação do VAR, que no segundo tempo acionou o árbitro e levou à marcação de dois pênaltis, o segundo deles muito questionado pela torcida e pelo zagueiro Luan, que derrubou Arthur Caíke em uma dividida dentro da área.

Polêmicas à parte, o Palmeiras mostrou pontos positivos, ainda que tenha chegado à quinta rodada seguida do Campeonato Brasileiro sem vitória, resultado que o impediu de se aproximar ainda mais do Santos, que recentemente lhe tirou a liderança.

Na bola parada defensiva, que tinha se tornado um problema nas últimas partidas, o time voltou a se portar bem. Pelo chão, houve um único lance em que Weverton precisou deixar a meta (e foi driblado), e a recomposição se mostrou eficiente.

Luiz Adriano estreia bem

Mas a principal novidade, a meu ver, foi Luiz Adriano. Apesar de não ter marcado nenhum dos gols – os dois foram frutos de uma tarde inspirada de Dudu –, o centroavante estreante deixou boa impressão em seu retorno ao futebol brasileiro. Uma atuação boa não apenas técnica, mas também taticamente.

Não foi raro vê-lo cobrar melhor posicionamento dos colegas de ataque na marcação da saída de bola adversária. Além disso, soube atacar muito bem os espaços dentro e fora da área.

Além de bons domínios de bola e de um cabeceio à direita do gol, Luiz Adriano quase fez um golaço em finalização de longa distância, num lance em que ele enxergou espaço deixado pela marcação e pediu o passe de Marcos Rocha.



Ao final da partida, Felipão confirmou que ele e o zagueiro Vitor Hugo serão inscritos para as quartas de final da Libertadores, contra o Grêmio. É muito cedo para dizer que o atacante dará certo com a camisa alviverde, mas, ao contrário das polêmicas da partida, trata-se de um ponto positivo e animador para o torcedor.

Palmeiras, Brasileirão, Bahia, Verdão



VEJA: Clique aqui e veja as promoções que a Farelos Jurídicos preparou para você

LEIA TAMBÉM: Scarpa pede concentração para jogo de volta contra o Grêmio e elogia gramado do Pacaembu

LEIA TAMBÉM: Substituto de Felipe Melo, Thiago Santos deve mudar característica do Palmeiras na Libertadores

LEIA TAMBÉM: Nova foto da camisa 3 do Palmeiras para próxima temporada é publicada na internet; confira



2826 visitas - Fonte: Globoesporte.com

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Foi uma boa estreia com tendencia a melhorar

Josedidk Roberto     

Um impedimento nada a ver o cara 2 metros pra traz o q poderia seguir com um pênalti a favor Luiz Adriano foi bem na sua estreia e o Vitor Hugo também enfim alguém pra fazer sombra pro deyverson e o borra bota mas vamos sim conquistar a libertadores e o campeonato brasileiro ainda tem q acreditar ....EU ACREDITO

Josedidk Roberto     

Na minha opinião jogou bem sim , tirando os lances cruciais a expulsão foi justa sim força excessiva vontade demais ,os lances infelicidade do diogo barbosa de pular com os braços abertos e oluam q acertou o cara mesmo q ele tenha furada a jogada o jogou bem mostrou q pode fazer mais , alguns erros da arbitragem bola na barriga do dudu e marcar o q resultaria em gol possivelmente e um impedimento do Marcos rocha

Que evolução mostrou o palmeiras minha gente.o time cometeu dois penalte, o meio campo não funciona o centroavante não faz gol, o palmeiras tem quatro centroavantes e alias cinco com Willan e não faz gol, com esse velho no comando o palmeiras não vai evoluir nada. Retranquero pragmatico inciste com com alguns jogadores que já provaram em campo que não serve pata vestir a camisa do verdão, o palmeiras depende da inspiração do Dudu e da lucidez do Felipe Melo, são os dois que sabem jogar neste time, o resto é tudo jogador comum, igual as outras equipes.

Gostei da estreia do Luiz Adriano. AVANTI SOCIETÁ SPORTIVA PALESTRA ITÁLIA

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias