5/12/2019 22:38

[COMENTE] Como você avalia o desempenho do Palmeiras na vitória diante do Goiás?

Com dois gols e uma assistência do garoto Gabriel Veron, o Palmeiras goleou o Goiás por 5 a 1, nesta quinta-feira à noite, no estádio Brinco de Ouro, em Campinas, e colocou o Internacional na fase prévia da Copa Libertadores de 2020. O resultado mantém a equipe paulista com chances de terminar o Brasileirão em segundo lugar e acaba o sonho dos goianos de se classificarem para o principal torneio sul-americano. Nós queremos saber: como você avalia o desempenho alviverde frente ao Goiás?



Primeiro tempo

O Goiás começou o jogo com mais posse de bola. Aos 11 minutos, Rafinha chegou a marcar, mas o árbitro Bruno Arleu de Araújo marcou falta de Rafael Moura em Weverton. Para o comentarista de arbitragem Sandro Meira Ricci, não houve a infração, mas Leandro Barcia estava impedido no início do lance.

O Palmeiras demorou a entrar no jogo. Isso só aconteceu aos 21, quando Zé Rafael recebeu belo passe de Lucas Lima e abriu o placar. O empate não demorou a sair. Barcia disparou nas costas de Diogo Barbosa e foi derrubado pelo lateral. O árbitro marcou pênalti, mas na imagem é possível ver que a falta foi cometida fora da área. Rafael Moura bateu e deixou tudo igual.

O Palmeiras voltou a ficar em vantagem aos 33. Dudu tabelou com Zé Rafael e pegou de primeira na pequena área. Raphael Veiga e Luan ainda tiveram mais duas chances para marcar desperdiçaram.

Segundo tempo

Veron foi a campo aos 11 minutos do segundo tempo para substituir Zé Rafael e não decepcionou. O gol saiu aos 24. Ele deu início à jogada que ainda passou por Lucas Lima e Jean. Em seguida, o menino apareceu na área apenas para escorar o cruzamento. Aos 36, o atacante entortou a marcação pela esquerda e deu o passe para Dudu aumentar. A retribuição veio aos 44. Dudu encontrou o novato na área, que só empurrou para as redes.

Gabriel Veron se tornou o segundo jogador mais jovem a marcar com a camisa do Verdão (17 anos, três meses e dois dias), atrás apenas de Juliano (16 anos, 11 meses e 23 dias), autor de um gol diante do Nacional-URU em 19 de agosto de 1998.

A vitória desta quinta faz o Palmeiras chegar aos mesmos 71 pontos do Santos – o rival leva vantagem no número de vitórias (21 a 20). A decisão sobre o vice-campeonato será apenas na última rodada. O Verdão pega o Cruzeiro, domingo, às 16h, no Mineirão, enquanto o Peixe recebe o Flamengo, na Vila Belmiro.



Diz aí, torcedor, o que achou do futebol apresentado pelo Verdão?

Palmeiras, Comente, Brasileirão, Verdão, Goiás




PALMEIRAS CAMPEÃO MUNDIAL? SÃO PAULO CAMPEÃO DA COPA DO BRASIL? PALPITES PARA O ANO DE 2020

LEIA TAMBÉM: Palmeiras dá novo passo por Rony e apresenta condições para contratar atacante do Athletico

LEIA TAMBÉM: [COMENTE] Para você, vale a pena o grande investimento para contratar Rony?

LEIA TAMBÉM: WTorre estabelece cronograma de instalação da grama sintética no Allianz Parque; veja as datas



1275 visitas - Fonte: -

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Valdeni Pereira     

Quando jogamos contra Grêmio, Santos, Corinthians, e Flamengo que são times de ponta, tomamos um sacode e passamos vexames, Palmeiras não jogou nada

Valdeni Pereira     

Não vejo como um grande jogo, ganhamos de um pinto morto

Se tivessem tirado uns pernas de pau que parecem intocaveis...o Palmeiras teria brigado pelo titulo ate o último jogo !!

Não podemos dizer que foi uma partida primorosa do Palmeiras, mesmo com a goleada... porém, uma simples mudança de técnico mostrou que sim, é possível jogar sem um poste la na frente... ontem o banco de reservas estava bonito, Deyverson, Borja, Dourado... e nenhum deles entrou, e sim, é possível usar o garoto Veron... não precisa ser titular logo de cara, mas põe ele pra jogar aos poucos, ontem jogou meia hora, e foi o suficiente pra correr, roubar bola, driblar, fazer gols, dar assistência... aí, Felipão e Mano Menezes, existia vida além de Cazeduardo, e Willian entrando no segundo tempo... vocês não conseguiram enxergar isso.

Elsio Mazzilli     

Veron é muito bom jogador tenho certeza que vai crecer é um menino sério

A prova que esse time tem paneleiro que nao se importa com o time e sim derrubar tecnico quando lhe convem. Tem que ver quem sao sumir com esses cara, so uma pergunta onde anda felipe melo?

Gustavo Santos     

Nao quero me iludir, MAS que DUPLA, DUDU e VERON ta lokoooo

Me dis ai quem precisa de centravante cabeça de bagre fixo se pode usar um jogador a mais

Jefferson Manoel     

Nada para se iludir, quero ver jogar assim é no! nas retas finais dos campeonatos que vai disputar

Lucinei dirksen     

Normal

Natalino Silva     

Não avalio nada, tivemos a unica alegria esse ano esse mlk Gabriel Veron, isso prova que não precisamos de Carlor Eduardos, Hioran, e outros perebas, sobe alguns Mlk e contrata somente ums craques bora brigar por títulos

Joao schauller foi o melhor comentario que eu vi ate agora,concordo plenamente.

VITOR DE FOLCO     

Craque de futebol já nasce craque ninguém aprende jogar futebol . Verom vai longe só não deixar de ser humilde .

Gilcilene Pires     

Tomara que não entregue o ouro pra aquela bosta do Cruzeiro. Tem que meter a taca naquela carniça e mandar direto p série B e torcer pra eles ficarem um bom tempo por lá.

Só sair o retranca menezes, que Veron e dudu jogando junto já e outra coisa...

Tem q ter coragem de usar os garotos isso e a diferença

Joao Schauller     

Veron em 30 min jogou mais q yoran, f menezes, c Eduardo e outros no Brasileirão inteiro, futebol é simples

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

Próximo Jogo - Paulista

Qua - 19:15 - Novelli Júnior - Itu - Premiere
Ituano
Palmeiras

Último jogo - Florida Cup

Sáb - 16:00 - Orlando City Stadium
New York City
1 2
Palmeiras
Untitled Document
Classificação
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota