Árbitro explica expulsão de Hulk em jogo entre Palmeiras e Atlético-MG

18/6/2024 09:39

Árbitro explica expulsão de Hulk em jogo entre Palmeiras e Atlético-MG

Árbitro explica expulsão de Hulk em jogo entre Palmeiras e Atlético-MG

O árbitro Rodrigo José Pereira revelou na súmula da partida entre Palmeiras e Atlético-MG, que terminou 4 a 0 para o Alviverde, o motivo da expulsão do atacante Hulk durante o duelo desta segunda-feira, na Arena MRV, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro. O atleta recebeu dois cartões amarelos seguidos e, consequentemente, o vermelho ainda no primeiro tempo por fortes reclamações. No documento oficial, o árbitro explica a causa de ambos cartões amarelos. O primeiro foi em razão de uma cobrança calorosa do atacante ao árbitro após uma falta marcada a favor do Galo.

Já o segundo cartão, que resultou no vermelho, o árbitro declarou que foi por conta da forma que Hulk se direcionou a ele: "Desaprovar com palavras ou gestos as decisões da arbitragem - Aos 31 minutos do primeiro tempo, expulsei do campo de jogo com a aplicação do segundo cartão amarelo o Sr. Givanildo Vieira Souza, n°07 da equipe do Atlético Mineiro SAF, após receber cartão amarelo por reclamação, o mesmo partiu em minha direção de maneira acintosa, ficando face a face comigo e gritando de forma desrespeitosa as seguintes palavras: ‘Me diz o porquê do cartão, me diz o porquê’. Após ter sido expulso o mesmo empurra meu rosto com o dedo indicador de forma ofensiva e se negando a sair do campo de jogo."

Outra expulsão relatada na súmula foi a do atacante Paulinho, após o apito final. O camisa 10 se desentendeu com Marcos Rocha e acertou um chute no lateral direito do Palmeiras.

Além disso, Rodrigo também revelou na súmula reclamações e acusações ríspidas dos dirigentes do Atlético-MG em direção à arbitragem, após o final do primeiro e do segundo tempo, na ida ao vestiário. "Informo que no intervalo da partida, quando a equipe de arbitragem se dirigia para o vestiário, fomos abordados por vários dirigentes na frente do vestiário do Atlético Mineiro, dentre eles, o presidente do clube mandante Sr. Sérgio Coelho, proferindo as seguintes palavras, vindo em direção da equipe de arbitragem de forma ostensiva, grosseira e abusiva, necessitando intervenção policial e sendo contido por funcionários do clube: ‘Você não pisa mais aqui. Você veio mal-intencionado. Horrível!’.”

Por fim, o árbitro escreveu sobre os copos arremessados em direção aos atletas do Palmeiras e à arbitragem por torcedores do Atlético-MG.







795 visitas - Fonte: -

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou .

Últimas notícias

publicidade

Brasileiro

Qui - 19:30 - Allianz Parque -
X
Palmeiras
Atletico Goianiense

Brasileiro

Dom - 18:30 - Allianz Parque
2 X 0
Palmeiras
Bahia