9/5/2014 13:16

Interino não revela time, divide culpa por saída de Kleina, e elogia Luxa

Alberto Valentim comandará equipe contra o Goiás, neste sábado. Ele diz que todos no clube falharam para Gilson ser demitido e aprova o nome de Luxemburgo

Alberto Valentim será técnico interino do Palmeiras
(Foto: Felipe Zito)


Alberto Valentim será o técnico interino do Palmeiras para enfrentar o Goiás, neste sábado, no Pacaembu, pela quarta rodada do Brasileirão. Após a demissão de Gilson Kleina, ele comandou dois treinamentos: um na quinta-feira e outro nesta sexta-feira pela manhã, na Academia de Futebol. Ele faz parte da comissão técnica permanente do Alviverde.

Em sua primeira entrevista coletiva, Alberto lamentou a saída de Kleina e dividiu a culpa pelo ocorrido entre todos no clube. Questionado sobre se Vanderlei Luxemburgo seria um profissional interessante para trabalhar ao lado, ele elogiou o nome do técnico, que está desempregado desde novembro de 2013, quando saiu do Fluminense.

- Quando há uma saída todos nos sentimos derrotados e culpados: comissão, jogadores e diretoria. Se teve uma troca é porque todos falharam um pouco. Mas temos de seguir em frente. Quero agregar (qualidade ao meu currículo) com o próximo técnico. O Vanderlei é um grandíssimo treinador. Até tentei fazer um estágio com ele quando terminei minha carreira como jogador (foi lateral-direito e se aposentou em 2009), mas não deu certo. Será um prazer trabalhar com quem a diretoria escolher. Se vier o Luxemburgo, vou ajudar e aprenderei muito pelo treinador que ele é - disse.

No último treinamento do Verdão antes de encarar o Goiás, Alberto fechou parte da atividade para fazer correções táticas. Ele adiantou que a base da equipe será a mesma utilizada por Kleina, mas não revelou qual a escalação, pois diz ter dúvidas. O técnico, inclusive, disse ter reduzido o tempo da atividade, pois o elenco estava desgastado pela longa viagem até São Luís, no Maranhão, onde o Palmeiras perdeu por 2 a 1 para o Sampaio Corrêa, pela segunda fase da Copa do Brasil.

Diante do Goiás, Alberto reencontrará o técnico Ricardo Drubscky, com quem trabalhou no Atlético-PR. Ele substituiu o comandante no time paranaense em três oportunidades quando era auxiliar: duas por suspensão de Drubscky e outra após sua demissão.

Com duas derrotas seguidas no Brasileirão (Fluminense e Flamengo), o Palmeiras está na 14ª colocação, com três pontos, e tenta a vitória para amenizar a pressão e melhorar o ambiente depois da saída de Kleina.



Leia também: Palmeiras monitora situação do atacante Luan no Grêmio

Leia também: [ENQUETE] Você considera que é um bom investimento a contratação de Luan pelo Palmeiras?



2568 visitas - Fonte: Globoesporte

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias